19 de fevereiro de 2018

RESENHA | UM BEIJO INESQUECÍVEL

  e arquivado em    

Tem post novo chegando para você que ama a série Os Bridgertons, hoje é a vez do sétimo volume da coleção, vamos conhecer melhor sobre Hyacinth no livro “Um Beijo Inesquecível”.

resenha-um-beijo-inesquevivel-julia-quinn
Título: Um Beijo Inesquecível
Série: Os Bridgertons #7
Autor (a): Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Ano: 2016
Páginas: 272

[SINOPSE: Toda a alta sociedade concorda que não existe ninguém parecido com Hyacinth Bridgerton. Cruelmente inteligente e inesperadamente franca, ela já está em sua quarta temporada na vida social da elite, mas não consegue se impressionar com nenhum pretendente. Num recital, Hyacinth conhece o belo e atraente Gareth St. Clair, neto de sua amiga Lady Danbury. Para sua surpresa, apesar da fama de libertino, ele é capaz de manter uma conversa adequada com ela e, às vezes, até deixá-la sem fala e com um frio na barriga. Porém Hyacinth resiste à sedução do famoso conquistador. Para ela, cada palavra pronunciada por Gareth é um desafio que deve ser respondido à altura. Por isso, quando ele aparece na casa de Lady Danbury com um misterioso diário da avó italiana, ela resolve traduzir o texto, que pode conter segredos decisivos para o futuro dele. Nessa tarefa, primeiro os dois se veem debatendo traduções, depois trocando confidências, até, por fim, quebrarem as regras sociais. E, ao passar o tempo juntos, eles vão descobrir que as respostas que buscam se encontram um no outro... e que não há nada de tão simples – e de tão complicado – quanto um beijo.]

resenha-um-beijo-inesquevivel-julia-quinn


E como de costume, se você quiser conferir as demais resenhas dos livros que antecedem a esse, abaixo vou deixar os links e se você perdeu alguma resenha corre lá ver.
Só te digo uma coisa caro leitor, se você resolver se jogar nessa série, não vai se arrepender!


Vou começar o post dizendo que ainda bem que eu escrevo resenhas e não faço vídeos porque iria passar a maior vergonha! Não sei até agora como se pronuncia o nome da nossa protagonista da vez rsrs.

A histórica começa com uma grande revelação que mudou completamente a vida de Gareth, neto da Lady Danbury, personagem que aparece em todos os livros anteriores da série e da qual tenho um apreço especial, adoro seu senso de humor e consigo dar muitas risadas com a personagem.
A linha do tempo segue e temos Hyacinth em sua terceira temporada na sociedade, ela se tornou grande amiga de Lady Danbury a qual tomou uma missão e arquitetou um primeiro encontro entre ela e Gareth no terrível recital das Smythe-Smiths.

Os encontros entre os dois começam a ficar frequentes, algo começa a crescer ali, porém assim como todos os Bridgertons, Hyacinth é detentora de um gênio bem peculiar, ela precisa ter a última palavra em tudo e de certa forma se sentir acima e melhor que todos.
Os dois embarcam até em uma aventura na antiga casa de Gareth, os deixando cada vez mais próximos.

 Até que logo começa aquela pequena batalha em seu interior tentando determinar o que de fato estava havendo ali. Em dado momento Violet, mãe de Hyacinth dá grandes conselhos a filha, a fazendo repensar em vários sentidos.
Gareth por sua vez, com sua fama de libertino (mulherengo no nosso vocabulário popular) teme que seus segredos venham a tona e atrapalhem o casal, e em quanto tudo isso acontece os se apaixonam mais.



É difícil de acreditar que já estou no sétimo volume, lembro bem do primeiro onde Hyacinth era apenas uma “pirralhinha” e agora eis que chega sua vez de encontrar seu amor. Achei que o romance entre os dois aconteceu de forma rápida demais, confesso que achei que alguns momentos poderiam ter sido mais explorados na história, por isso ao decorrer da trama em vários momentos não consegui sentir tanta “paixão” entre os personagens quanto nos outros volumes, não quero dar spoilers, mas de fato achei que Gareth realmente estava usando Hyacinth de certa forma, parece que ficou faltando algo a mais.

Mas mesmo assim o livro é empolgante e divertido, assim como os demais volumes. Dei muitas risadas com os diálogos entre os personagens!

Com certeza indico mais esse volume e já não vejo a hora de seguir para o próximo, toda paixão envolvida me deixa cada vez mais empolgada.

E é isso pessoal, essa foi a resenha de hoje, espero muito que tenha gostado! Mais uma vez comento que para aqueles que gostam de romance essa série é um prato cheio.


Um beijo grande e até o próximo post.

12 de fevereiro de 2018

DIY | MEU CONVITE DE CASAMENTO + MODELO PARA DAWLOAD

convite de casamento para baixar grátis


Hoje eu quis trazer o meu primeiro (de muitos) DIY, que é o meu convite de casamento para baixar grátis. Ele ficou simplesmente lindo e quis vir aqui dividir com vocês que assim como eu querem economizar uma graninha.

Como eu já comentei anteriormente, esse será o ano do meu casamento! Estou a todo vapor com os preparativos, estou sentindo na pele o quanto a lista de tarefas é gigante haha. E é claro que sempre quando eu puder irei trazer dicas úteis sobre casamento para as minhas leitoras lindas.

Leia também: COMO INICIAR OS PREPARATIVOS DO SEU CASAMENTO + BRINDE ESPECIAL

Vale lembrar que esse modelo de convite de casamento pode ser aproveitado para festas de 15 anos e demais datas comemorativas.

O resultado final foi este aqui:

convite de casamento para baixar grátis




Como puderam perceber, escolhi a cor azul Tiffany pois minha decoração será nessa cor, com os ornamentos no rosa claro. Estou simplesmente muito feliz com o resultado! Os convites ficaram lindos e do jeito que eu queria.

Eu tenho uma certa facilidade em mexer no Corel Draw, e confesso que isso ajudou bastante na hora da confecção. Mas se você não tem conhecimento, não se desespere, tem como fazer o mesmo modelo do convite de casamento tranquilamente pelo word e no máximo usar o PhotoScape que é super simples de editar.





- Papel: Eu escolhi fazer a impressão nesse papel perolado, o nome dele é Aspen. Ele é vendido em casas de papeis especiais, dificilmente vai conseguir encontrar em papelarias convencionais. O valor foi de R$ 85,50 por 90 folhas em tamanho A4.

- Fita de cetim: O valor varia entre R$ 0,80 o metro. Eu comprei a peça de 50m, pois ia usar bastante e ela custou R$ 17,00.

- Cola de silicone: Daquelas que cola tudo, custa em média uns R$ 5,00, porém precisa ser uma que não manche a fita de cetim, por isso te aconselho a perguntar para a vendedora antes.

Não tirei foto do convite aberto, mas por dentro ele é assim...




Para baixar os arquivos, é só clicar nos links aqui embaixo.



Referente ao brasão, deixei o arquivo salvo em JPG pois dessa forma é possível editar e colocar as iniciais dos noivos. Detalhe importante: para dar certo a impressão, é preciso que eles esteja de ponta cabeça, dessa forma mesmo como eu salvei.

Laço e fita: Não é obrigatório ter essa fitinha, é possível fechar ele apenas com um adesivo. Mas acho que ela dá um toque bem especial no convite, o deixa mais delicado. Esse tutorial aqui explica o passo a passo e te garanto que é muito fácil. 





Fonte: A fonte utilizada se chama Sacramento e você precisa ter ela instalada no seu PC para que de tudo certo, por isso não esqueça de baixar ela também.

Pesquisei vários modelos de convites de casamento, e os nesse estilo estavam em média R$ 7,00 cada um. Somando tudo que gastei em materiais mais a impressão, cada convite me custou R$ 2,50. Ou seja, se me perguntarem se valeu a pena vou dizer que sim, e muito. É possível ter um convite lindo para o seu casamento, do jeito que você sonhou sem gastar horrores. 

E por hoje é isso, eu espero que tenham gostado e principalmente ajudado.
Se ficou alguma dúvida sobre como editar pode perguntar aqui nos comentários que terei o imenso prazer em ajudar.


Um beijo grande e até a próxima!




Curta nossa fanpage!